Tribunal não consegue notificar arguidos de contrabando de chifres de rinoceronte. Caso tem nove anos

Dois australianos foram detidos, em 2011, no aeroporto de Lisboa com chifres de rinoceronte avaliados em 415 mil euros. Foram roubados ao Museu da Universidade de Coimbra. Julgamento tem sido sucessivamente adiado.

Foto
GEORGES GOBET/AFP

Leigh e Jackson Pritchard, pai e filho, australianos, um negociante de arte e o outro electricista, foram detidos a 2 de Setembro de 2011, no aeroporto de Lisboa, quando embarcavam num voo para Paris, por transportarem na bagagem seis chifres de rinoceronte, avaliados em cerca de 415 mil euros.

Sugerir correcção
Comentar