PS quer “direito ao esquecimento” para doentes que venceram doenças graves

Projecto de lei entregue no Parlamento visa acabar com preços de serviços de crédito e de seguros mais altos para clientes que tiveram doenças graves.

Foto
PS quer mais direitos para cidadãos que venceram doenças graves Manuel Roberto

O Grupo Parlamentar do PS (GPPS) entregou nesta sexta-feira um projecto de lei que visa reforçar o acesso a contratos de créditos bancários e de seguros a pessoas que tenham superado situações de saúde de risco agravado, como doentes oncológicos, instituindo o chamado “direito ao esquecimento”.