Projectos de lei com apoios para a cultura rejeitados no Parlamento

Propostas do Bloco de Esquerda, do PAN, do PCP e da deputada não-inscrita Cristina Rodrigues foram chumbadas em plenário nesta quinta-feira. Teve aprovação apenas o projecto de resolução do PAN que insta o Governo a submeter à aprovação da Assembleia da República um estatuto jurídico do trabalhador intermitente.

Foto
Manifestação dos trabalhadores da cultura em frente à Assembleia da Republica, organizada em Novembro de 2020 Daniel Rocha

Os projectos de lei do Bloco de Esquerda (BE), do PAN, do PCP e da deputada não-inscrita Cristina Rodrigues com medidas de apoio aos trabalhadores das artes e aos espaços culturais afectados pelo cenário de crise que o segundo confinamento veio agravar foram rejeitados no plenário desta quinta-feira, na Assembleia da República. O grupo parlamentar do PS votou contra todas as propostas; o projecto de lei do BE teve duas abstenções (PSD e CDS), os do PAN e do PCP três (PSD, CDS e Iniciativa Liberal) e o de Cristina Rodrigues quatro (PSD, PCP, CDS e PEV).