Marcelo mostra-se solidário com o Governo nas decisões sobre o Natal

Em conversa com a economista Susana Peralta, o Presidente-candidato admite que os eleitores e os idosos inscritos em confinamento “são pouquinhos” mas garante que “fez tudo” para melhorar o acto eleitoral.

O Presidente da República, que se candidata ao cargo, mostra “solidariedade total” para com o Governo no que diz respeito ao alívio das medidas restritivas aplicadas no Natal. Na série Conversas Improváveis, com a colunista do PÚBLICO Susana Peralta, Marcelo Rebelo de Sousa garante que “fez tudo” para facilitar o voto dos que estão confinados e dos idosos.