“Estamos juntos”: líderes mundiais felicitam Joe Biden

Costa desejou “votos dos maiores sucessos” a Biden, Macron celebrou regresso dos EUA ao Acordo de Paris e o Papa Francisco apelou à “reconciliação” norte-americana.

Foto
Reuters/POOL

No dia em que Joe Biden substituiu Donald Trump na presidência dos Estados Unidos, vários chefes de Estado, de Governo, dirigentes políticos ou líderes religiosos fizeram questão de deixar uma mensagem ao Presidente norte-americano e à vice-presidente, Kamala Harris, e de apresentarem as suas expectativas para os próximos quatro anos.

António Costa, primeiro-ministro de Portugal
“Neste dia em que tomará posse o Presidente Joe Biden, não posso deixar de lhe dirigir os votos dos maiores sucessos no seu mandato e de referir a necessidade de relançarmos as relações, cada vez mais próximas, com os Estados Unidos”.

Ursula von der Leyen, presidente da Comissão Europeia
“Obrigado pelo primeiro discurso inspirador e pela oferta de cooperação. A Europa está pronta para um novo recomeço”.

Emmanuel Macron, Presidente de França
“Estamos juntos. Vamos ser mais fortes para enfrentar os desafios do novo tempo. Mais fortes para construir o nosso futuro. Mais fortes para proteger o nosso planeta. Bem-vindos de volta ao Acordo de Paris!”.

Boris Johnson, primeiro-ministro do Reino Unido
“A liderança da América é vital para as questões que são importantes para todos nós, desde as alterações climáticas até à covid-19. Estou ansioso por trabalhar com o Presidente Biden”

Charles Michel, presidente do Conselho Europeu
“No primeiro dia do seu mandato, dirijo uma proposta solene ao novo Presidente dos Estados Unidos: vamos construir um novo pacto fundador para uma Europa mais forte, para uma América mais forte e para um mundo melhor”

Papa Francisco
“Sob a vossa liderança, que o povo americano continue a encontrar a força dos elevadores valores políticos, éticos e religiosos que inspiraram a nação desde a sua fundação. Peço também a Deus, a fonte da toda a sabedoria e verdade, para guiar os vossos esforços para promover a compreensão, a reconciliação e a paz dentro dos Estados Unidos e entre todas as nações do mundo, de forma a promover o bem comum universal.”

Dmitry Peskov, porta-voz do Kremlin
“A Rússia e o seu Presidente [Vladimir Putin] são favoráveis a preservar este acordo [tratado New Start, o acordo nuclear que expira em Fevereiro]. Se os nossos colegas americanos demonstrarem verdadeiramente uma vontade política para preservar e estender o pacto, isso só pode ser bem-vindo.”

Hassan Rohani, Presidente do Irão
“A era de outro tirano está a chegar ao fim e hoje é o último dia do seu terrível reinado. Ao longo dos seus quatro anos só trouxe injustiça e corrupção e só trouxe problemas ao seu próprio povo e ao resto do mundo (...) Esperamos que a Administração Biden regresse às leis e aos compromissos e que tente remover as manchas dos últimos quatro anos”.

Frank-Walter Steinmeier, Presidente da Alemanha
“Hoje é um bom dia para a democracia. É com grande alívio que, hoje, Joe Biden toma posse como Presidente e se muda para a Casa Branca. Sei que muitas pessoas na Alemanha partilham este sentimento”.

Pedro Sánchez, presidente do Governo de Espanha
“A vitória de Biden representa a vitória da democracia sobre a extrema-direita Há cinco anos, pensámos que Trump era uma piada de mau gosto, mais cinco anos mais tarde percebemos que pôs em causa nada menos do que a democracia mais poderosa do mundo”.

Giuseppe Conte, primeiro-ministro de Itália
“Temos uma forte agenda em comum, que vai desde o multilateralismo que ambos queremos até às alterações climáticas, transição verde e digital e inclusão social”, disse Conte.

Justin Trudeau, primeiro-ministro do Canadá
“Também trabalharemos juntos para promover a acção climática e o crescimento de uma economia limpa, na promoção da inclusão e diversidade, na criação de bons empregos para a classe média e de oportunidades para os nossos povos, enquanto contribuímos para a democracia, a paz, e para segurança interna e em todo o mundo”.

Narendra Modi, primeiro-ministro da Índia
“Os meus maiores desejos de um mandato de sucesso na liderança dos EUA. Estamos unidos e resilientes para responder aos desafios comuns e promovermos paz e segurança globais. A parceria Índia-EUA é benéfica para o nosso planeta”.

Yoshihide  Suga, primeiro-ministro do Japão
Parabéns ao Presidente Joe Biden e à vice-presidente Kamala Harris. O Japão e os Estados Unidos são aliados firmemente ligados por laços e valores universais que partilham”.

Jair Bolsonaro, Presidente do Brasil
“Cumprimento Joe Biden como 46º Presidente dos EUA. A relação [Brasil-EUA] é longa, sólida e baseada em valores elevados, como a defesa da democracia e das liberdades individuais. Sigo empenhado e pronto para trabalhar pela prosperidade de nossas nações e o bem-estar de nossos cidadãos”.

Benjamin Netanyahu, primeiro-ministro de Israel
“Presidente Joe Biden, nós temos uma amizade pessoal calorosa com muitas décadas. Estou ansioso por trabalhar consigo e fortalecer ainda mais a aliança entre os Estados Unidos e Israel, para continuar a expandir a paz entre Israel e o mundo árabe, e para enfrentar desafios comuns, sendo o principal a ameaça colocada pelo Irão”.

Micheál Martin, primeiro-ministro da República da Irlanda
“Sei que o Presidente Biden vai sentir o peso da História – a presença dos seus antepassados irlandeses que deixaram Mayo e Louth, em tempos de fome, em busca de uma vida de esperança. Espero que tenha consciência do enorme orgulho que nós, na Irlanda, temos do seu feito imenso. É um de nós, faz parte da nossa família global”.

Jens Stoltenberg, secretário-geral da NATO
“Estou ansioso por poder trabalhar de perto com o Presidente Biden e por lhe dar as boas-vindas à cimeira da NATO em Bruxelas, mais tarde neste ano. O nosso foco será a NATO2030, a iniciativa para tornar a nossa forte aliança ainda mais forte e preparada para o futuro”.

Tedros Adhanom Ghebreysus, director-geral da Organização Mundial de Saúde
“Parabéns ao Presidente Joe Biden e à vice-presidente Kamala Harris pela tomada de posse. Por um mundo mais saudável, mais seguro e mais sustentável”.