É tempo de começar a Conferência sobre o Futuro da Europa

Em democracia, a confiança nunca é um dado adquirido, alertam um grupo de eurodeputados de diferentes grupos políticos. Depois de um 2020 de profundas mudanças, a Europa precisa de lançar um debate aberto e abrangente sobre o futuro, ou corre o risco de perder os cidadãos.

2020 foi o ano em que uma pandemia nos obrigou a ficar em casa, mas também o ano em que a União Europeia adoptou um inédito programa de obrigações para fazer face às difíceis consequências económicas. Foi um ano em que tendências autoritárias alastraram na Europa e, dentro e fora da UE, movimentos antidemocráticos promoveram a desconfiança nas políticas públicas. Foi ainda o ano em que um dos maiores membros da União, que continua a ser uma das mais proeminentes democracias europeias, saiu definitivamente após um processo longo em que, em muitas ocasiões, revelou um total desnorte.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários