Marcelo acusou positivo à covid-19 e já repetiu teste

Presidente da República anuncia que teste PCR ao novo coronavírus feito esta segunda-feira de manhã confirmou infecção. Entretanto, já repetiu o teste e espera resultados nas próximas horas.

Foto
Marcelo Rebelo de Sousa com teste positivo à covid-19 Miguel manso

A Presidência da República anunciou esta segunda-feira que Marcelo Rebelo de Sousa realizou um teste que confirmou que está infectado com o novo coronavírus. “Tendo o Presidente da República testado negativo ontem, e apesar do teste antigénio de hoje ser negativo, soube-se agora, às 21h40, que o teste PCR deu positivo”, lê-se na nota publicada no site da Presidência da República momentos depois. 

A verdade faz-nos mais fortes

Das guerras aos desastres ambientais, da economia às ameaças epidémicas, quando os dias são de incerteza, o jornalismo do Público torna-se o porto de abrigo para os portugueses que querem pensar melhor. Juntos vemos melhor. Dê força à informação responsável que o ajuda entender o mundo, a pensar e decidir.

A Presidência da República anunciou esta segunda-feira que Marcelo Rebelo de Sousa realizou um teste que confirmou que está infectado com o novo coronavírus. “Tendo o Presidente da República testado negativo ontem, e apesar do teste antigénio de hoje ser negativo, soube-se agora, às 21h40, que o teste PCR deu positivo”, lê-se na nota publicada no site da Presidência da República momentos depois. 

“O Presidente da República, que está assintomático, comunicou ao presidente da Assembleia da República, ao primeiro-ministro e à ministra da Saúde e, encontrando-se a trabalhar em Belém, aí ficou e ficará em isolamento profiláctico na zona residencial, aguardando o inquérito epidemiológico. Cancelou toda a agenda para os próximos dias, a começar com sessão com os peritos no Infarmed e a audição dos partidos políticos previstas para terça-feira”, acrescenta a informação publicada.

Por volta da meia-noite, Belém informou que Marcelo Rebelo de Sousa “já respondeu ao inquérito epidemiológico do Delegado de Saúde e fez um novo teste PCR, realizado pelo INEM, cujo resultado deverá ser conhecido dentro de algumas horas”.

Marcelo Rebelo de Sousa tem feito testes de dois em dois dias, e até agora os resultados têm sido negativos, mesmo depois do contacto que teve na segunda-feira passada com um assessor infectado e que o obrigaram a ficar em isolamento profiláctico durante algumas horas na quarta-feira de manhã, quando foi conhecido o resultado positivo do seu assessor. No entanto, a autoridade de saúde considerou ter-se tratado de um contacto de baixo risco, pelo que Marcelo pode voltar à sua actividade normal.

Desde então teve três debates com outros candidatos à Presidência da República: nessa mesma noite teve um debate com André Ventura, na quinta-feira com Vitorino Silva e no sábado com Ana Gomes. 

Candidatos à espera de indicações da DGS

Todos estes candidatos deverão agora entrar em isolamento, pelo menos até terem os resultados dos testes e ser avaliado o grau de risco do contacto pela autoridade sanitária, o que deve acontecer nesta terça-feira, na sequência do inquérito epidemiológico feito por Marcelo. A direcção da campanha de Ana Gomes decidiu na noite desta segunda-feira que vai tomar todas as medidas que lhe sejam exigidas pelo Serviço Nacional de Saúde face ao facto de terem estado no passado sábado em contacto em espaço fechado com Marcelo Rebelo de Sousa no debate no debate da RTP, ainda que separados por três metros de distância.

The partial view '~/Views/Layouts/Amp2020/NOTICIA_HTML_ASIDE.cshtml' was not found. The following locations were searched: ~/Views/Layouts/Amp2020/NOTICIA_HTML_ASIDE.cshtml
NOTICIA_HTML_ASIDE

Ainda assim, não deverá estar em causa a participação de Ana Gomes no encontro com especialistas no Infarmed, já que a participação da candidata socialista estava prevista ser realizada por meios digitais. No Twitter, a candidata deixou um voto ao adversário: “Acabo de saber que Presidente Marcelo Rebelo de Sousa está com covid. Desejo a continuação de falta de sintomas e rápido e franco restabelecimento.”

The partial view '~/Views/Layouts/Amp2020/NOTICIA_HTML_ASIDE.cshtml' was not found. The following locations were searched: ~/Views/Layouts/Amp2020/NOTICIA_HTML_ASIDE.cshtml
NOTICIA_HTML_ASIDE

Também André Ventura se colocou em isolamento por iniciativa própria, informa a sua candidatura: “O candidato André Ventura está já em isolamento profiláctico e assim ficará até fazer o teste e obter as indicações da DGS. Assim, todas as iniciativas de campanha estão canceladas até ser conhecido o resultado do teste”. À RTP, Ventura disse já ter contactado com a autoridade de saúde e de, apesar de lhe terem dito que não havia risco, optou por se isolar e submeter-se a um teste. 

Marisa Matias, que já tinha debatido com Marcelo na semana anterior, foi a primeira candidata a reagir à notícia. “Contactei agora Marcelo Rebelo de Sousa, lamentando que tenha testado positivo à covid-19. Desejo-lhe as melhoras e faço votos de rápida recuperação”, escreveu no Twitter. O candidato presidencial Vitorino Silva disse entretanto à Lusa que vai aguardar pelo contacto das autoridades sanitárias para saber se é um contacto de risco, depois de se saber que o Presidente da República está infectado com o novo coronavírus. “Vou aguardar pelo contacto da Direcção-Geral da Saúde (DGS). Estou bem. Estou tranquilo”, disse Vitorino Silva.

À SIC Notícias, Tiago Mayan  afirmou estar a aguardar informação da autoridade da saúde, mas está tranquilo porque também esteve com Marcelo antes do contacto de risco conhecido, e afirmou que cumprirá as indicações. “Só vou fazer o que o cidadão comum tem de fazer”, afirmou.

The partial view '~/Views/Layouts/Amp2020/NOTICIA_HTML_ASIDE.cshtml' was not found. The following locations were searched: ~/Views/Layouts/Amp2020/NOTICIA_HTML_ASIDE.cshtml
NOTICIA_HTML_ASIDE

João Ferreira, que já debateu com o actual Presidente há uma semana, disse estar “absolutamente tranquilo”, mas também fará aquilo que lhe “recomendarem as autoridades de saúde”. Acerca da campanha a partir daqui, tendo em conta as novas restrições que devem ser determinadas esta semana, João Ferreira admitiu que actualmente “não se pode dar por garantida nenhuma programação” e que esta tem que ir sendo “adaptada à evolução da situação”. “Uma coisa é certa e todos concordarão: não podemos deixar que estas eleições passem ao lado dos portugueses. Teremos que fazer o possível, pelos meios e formas que nos sejam possíveis, por garantir que há uma informação, um esclarecimento e mobilização”, disse, à saída de um comício.

Também o primeiro-ministro já se manifestou na mesma rede social: “Tomei conhecimento do teste Covid19 positivo do Presidente da República. Já falámos ao telefone esta noite, pois quis inteirar-me do seu estado de saúde. Manteremos o contacto permanente e desejo-lhe votos sinceros de rápida e completa recuperação.”

Há também vários jornalistas em isolamento profiláctico, depois de terem estado em contacto com Marcelo Rebelo de Sousa, que se multiplicou em debates e entrevistas na última semana. 

A carregar...