Everton-Manchester City adiado devido à covid-19

Novos casos de infecção nos “citizens” levaram à decisão de “travar” o encontro da Premier League previsto para as 20 horas.

Foto
Foram detectados novos casos positivos a covid-19 na equipa de Pep Guardiola Reuters/DAVE THOMPSON

O encontro entre o Everton e o Manchester City, referente à 16.ª jornada da Premier League, agendado para as 20 horas desta segunda-feira, em Liverpool, foi adiado devido a novos casos positivos de covid-19 detectados na equipa de Pep Guardiola.

O anúncio foi feito pelos clubes após terem recebido a confirmação de novos casos no Manchester City, depois de na semana passada terem sido detectados quatro casos positivos de covid-19, entre os quais o do avançado brasileiro Gabriel Jesus e do defesa Kyle Walker.

“A decisão foi tomada observando como prioritária a saúde de jogadores e staff”, refere a Premier League, que garante “manter inteira confiança nos protocolos e regras, bem como na sua implementação pelos clubes”

O Manchester City decidiu encerrar as instalações de treino da equipa principal por tempo indeterminado, estando a ultimar novas análises a todos os profissionais antes de decidir retomar a preparação.

“Todos os casos positivos envolvendo futebolistas e staff serão isolados de acordo com os protocolos de quarentena da Premier League e do governo”, anunciou o clube.

Este foi o segundo adiamento de um jogo da Premier League na presente temporada, depois da eclosão de positivos no Newcastle United ter levado ao “cancelamento” do jogo com o Aston Villa este mês.