A Real Sociedad continua em modo feliz

Bascos triunfam em Cádiz e continuam à frente, com três pontos de vantagem sobre o Atlético Madrid, que tem dois jogos a menos.

A Real Sociedad já vai em seis vitórias consecutivas na liga espanhola
Foto
A Real Sociedad já vai em seis vitórias consecutivas na liga espanhola LUSA/Roman Rios

A liga espanhola começou a várias velocidades e qualquer que seja a classificação agora, é provável que mude quando todos tiverem o mesmo número de jogos. E, daí, talvez não, olhando para as épocas inconsistentes (para não dizer pior) de Real Madrid e Barcelona - o Atlético Madrid é a excepção entre os habituais favoritos ao título. Por enquanto, a melhor surpresa da liga espanhola mora no País Basco e chama-se Real Sociedad, por enquanto o líder isolado, depois de mais um triunfo (difícil) no campo do Cádiz por 1-0.

Dirigida por um homem da casa (Imanol Aguacil), com muita gente jovem (e também da cas) na equipa, mais a liderança experiente de um dos grandes artistas do futebol espanhol (David Silva), a equipa de San Sebastián tem sido uma verdadeira lição, não apenas para o seu grande rival regional (Athletic Bilbao), mas para todos os habituais candidatos e vai fazendo o seu caminho para tentar voltar aos seus tempos de glória no início dos anos 1980, em que conquistou os seus únicos dois títulos de campeão (1981 e 1982).

Neste domingo, os bascos conseguiram a sua sexta vitória consecutiva na liga espanhola, mas não foi nada fácil ultrapassar a muralha defensiva que o Cádiz ergueu à volta da sua baliza. Aos 66’, numa jogada de insistência após um canto, David Silva distribuiu para a direita, onde Januzaj fez o cruzamento perfeito para o cabeceamento certeiro do sueco Isak.

Esta vitória deixou a equipa basca com 23 pontos em dez jornadas e em primeiro na liga espanhola, mas, entre as equipas que têm jogos em atraso, apenas o Atlético pode ultrapassar a Real - os “colchoneros” têm 20 pontos em oito jogos. Nem Real Madrid (17 pontos em nove jogos), nem o Barcelona (11p./8j.) podem ultrapassar os bascos depois dos acertos de calendário.

Sugerir correcção