Torne-se perito Crítica

Conde Vimioso Vinha do Convento Tinto 2017: as virtudes do calhau rolado

Este Conde Vimioso Vinha do Convento Tinto 2017 é um vinho intenso, onde as notas florais se articulam com a expressão madura da fruta, taninos polidos e frescura que tudo envolve.

critica,vinhos,vinhos-provas,fugas,
Foto

Foi quando descobriu aquelas extensões de calhau rolado onde assenta a vinha que o dono do grupo francês Roullier se apaixonou sem remédio pela propriedade da Falua. Ligado à distribuição de produtos na área agro-alimentar – um gigante que está em 131 países e factura mais de dois mil milhões –, mas habituado à valorização que no seu país sempre dão às características do terroir, o francês não hesitou em partir para a produção de vinhos e comprou, em 2017, a empresa que detém as marcas Falua e Conde Vimioso.

Sugerir correcção