Conselho Nacional de Educação quer reduzir peso dos exames nacionais no acesso ao superior

Secundário deve ser “terminal”, defende órgão consultivo do Governo, que propõe entregar às universidades a responsabilidade na escolha dos alunos que vão receber.

acesso-ensino-superior-2020,educacao,sociedade,conselho-nacional-educacao,exames-nacionais,ensino-superior,
Foto
PAULO PIMENTA

O Conselho Nacional de Educação (CNE) insiste na necessidade de revolucionar a forma de acesso ao ensino superior. Aquele órgão considera necessário retomar este debate que classifica de “importante”, mas que deve ser feito “sem pressas”. A proposta apresentada numa recomendação agora aprovada vai no sentido de reduzir o peso dos exames nacionais do ensino secundário na seriação dos candidatos ao superior. Ao mesmo tempo, seria conferido às universidades e politécnicos maior responsabilidade na escolha dos alunos que vão receber.