Bióloga portuguesa quer ter cegonhas de volta ao Reino Unido

Projecto coordenado pela bióloga Aldina Franco envolve o acompanhamento de um grupo de cegonhas com o objectivo de as ver regressar ao Reino Unido e retomar rotas que abandonaram há mais de 600 anos.

Uma cegonha-branca com um aparelho às costas
Foto
Uma cegonha-branca com um aparelho às costas DR

A bióloga portuguesa Aldina Franco é coordenadora de um projecto da Universidade de East Anglia (UEA), no Reino Unido, que está a tentar reintroduzir as cegonhas-brancas no território britânico e fazer com que estas aves retomem hábitos que abandonaram há mais de 600 anos. Os primeiros resultados deste plano já estão à vista e este ano, pela primeira vez desde há muito tempo, três crias já foram criadas em liberdade. Ao mesmo tempo, os localizadores GPS que foram colocados em algumas cegonhas, numa tecnologia produzida por uma empresa que envolve as universidades do Porto e de Lisboa, permitem acompanhar as viagens de algumas das aves que já chegaram a Marrocos. Falta saber se vão voltar.