Governo promete novos cursos no ensino profissional com maior ligação à indústria

Medida está inscrita no plano entregue em Bruxelas e no Orçamento de Estado para 2021. Mudança no ensino profissional já tinha sido tentada por Nuno Crato, mas falhou por “falta de condições” nas escolas públicas.

Os cursos de restauração estão entre os que têm mais procura
Foto
Os cursos de restauração estão entre os que têm mais procura Adriano Miranda

Em vez de mais cursos de empregado de bar, de apoio à gestão desportiva ou de multimédia, o Governo pretende iniciar em 2021 uma reviravolta no ensino profissional “aumentando a atractividade das ofertas de dupla certificação [escolar e profissional] e a sua adequação às necessidades do tecido produtivo”.