Jorge Lucki e João Portugal Ramos: dois amigos a falar de vinho, de Portugal para o Brasil

Vinhos de Portugal arrancou, em versão digital. Todo o vinho português em três dias de conversas com críticos e produtores. Acompanhámos uma prova dos dois lados do Atlântico.

vinhos-portugal,rio-janeiro,vinhos,fugas,alentejo,brasil,
Fotogaleria
Rui Gaudêncio
vinhos-portugal,rio-janeiro,vinhos,fugas,alentejo,brasil,
Fotogaleria
O crítico brasileiro Jorge Lucki Rui Gaudêncio
vinhos-portugal,rio-janeiro,vinhos,fugas,alentejo,brasil,
Fotogaleria
O produtor João Portugal Ramos Rui Gaudêncio
vinhos-portugal,rio-janeiro,vinhos,fugas,alentejo,brasil,
Fotogaleria
Rui Gaudêncio
vinhos-portugal,rio-janeiro,vinhos,fugas,alentejo,brasil,
Fotogaleria
Rui Gaudêncio
vinhos-portugal,rio-janeiro,vinhos,fugas,alentejo,brasil,
Fotogaleria
Da esquerda para a direita: Jorge Lucki, João Portugal Ramos e Frederico Falcão, presidente da ViniPortugal Rui Gaudêncio

“Bom vinho!”, exclama João Portugal Ramos, provando o seu Marquês de Borba e abrindo um sorriso, satisfeito. O produtor português está na sala de apoio ao Vinhos de Portugal conversando com o crítico brasileiro Jorge Lucki sobre a prova que vão fazer juntos daí a pouco – a primeira do evento de vinhos organizado pelos jornais PÚBLICO, O Globo e Valor Económico, em parceria com a ViniPortugal e que iniciou sexta-feira a sua sétima edição. Este ano, por causa da pandemia de covid-19, ela é exclusivamente digital e acessível ao público em todo o Brasil e, pela primeira vez, também em Portugal.