Torne-se perito

A Juventus de Pirlo continua a ganhar pouco

Terceiro empate em cinco jornadas para a “vechia signora” na Série A italiana. Kulusevski impediu derrota frente ao Hellas Verona.

Pirlo está a cumprir a sua primeira época como treinador
Foto
Pirlo está a cumprir a sua primeira época como treinador Reuters/MASSIMO PINCA

Com Andrea Pirlo ao comando, a Juventus está com dificuldades em encontrar o caminho das vitórias na Série A italiana. Neste domingo, a “vecchia signora” cedeu o seu terceiro empate em cinco jogos no campeonato, um 1-1 na recepção ao Hellas Verona. E se tivermos em conta que uma das vitórias creditadas à “Juve” foi por falta de comparência do Nápoles, a equipa de Pirlo ainda só conseguiu ganhar um jogo no relvado, precisamente na primeira jornada – 3-0 à Sampdoria.

A ausência de Cristiano Ronaldo, ainda obrigado ao isolamento por causa da covid-19, ajudará a explicar a falta de vitórias do campeão italiano, mas Pirlo tem à sua disposição poder de fogo mais que suficiente para resolver (Morata, Dybala, Kulusevski, Bernardeschi). Falta é capacidade de finalização a esta Juventus, que criou volume de jogo ofensivo mais que suficiente para vencer – marcou um golo que foi anulado e ainda acertou duas vezes nos ferros da baliza do Hellas Verona.

O jogo podia ter corrido bem pior à Juventus. Aos 60’, cinco minutos depois de entrar, Andrea Favalli, ex-jogador da Juventus, fez o 0-1 para o Hellas Verona e o melhor que a equipa de Pirlo conseguiu fazer foi empatar aos 77’, com um golo do jovem sueco Kulusevski).

Este empate deixa a Juventus com nove pontos, empadata no quinto lugar com Atalanta e Sampdoria, enquanto a formação de Verona tem um ponto a menos (8) e está no 8.º posto. Na frente está o perfeito AC Milan (12 pontos em 12 possíveis), que tem nesta segunda-feira uma complicada recepção à Roma do técnico português Paulo Fonseca.

Sugerir correcção