Torne-se perito

Covid-19: escolas dos concelhos de Borba e Vila Viçosa encerram esta sexta-feira

As actividades vão decorrer na modalidade de ensino à distância, com obrigatoriedade do dever de assiduidade por parte dos alunos, de acordo com o horário de cada turma, durante o período de interrupção das actividades presenciais.

evora,saude,educacao,sociedade,alentejo,doencas,
Foto
As escolas pertencentes aos agrupamentos dos concelhos de Borba e de Vila Viçosa, no distrito de Évora, encerram devido ao aumento de casos de covid-19. daniel rocha

 As escolas pertencentes aos agrupamentos dos concelhos de Borba e de Vila Viçosa, no distrito de Évora, encerram a partir desta sexta-feira, até uma nova avaliação, devido à pandemia de covid-19.

Aqueles estabelecimentos de ensino encerram atendendo à situação epidemiológica nos dois concelhos, que são vizinhos. Em Borba, o encerramento acontece por recomendação da Autoridade de Saúde local e com autorização da directora-geral da Saúde.

De acordo com a informação publicada, quinta-feira, na página do município de Borba na internet, e no seguimento de uma troca de mensagens de correio electrónico entre diversas autoridades de saúde e da educação, ficou estabelecido que as escolas encerram até uma nova avaliação.

No concelho de Vila Viçosa, o Agrupamento de Escolas revelou, na quinta-feira, que, com autorização da Unidade de Saúde Pública, Agrupamento de Centros de Saúde do Alentejo Central e da Direcção Geral da Saúde, considerando a situação que se vive no concelho, devido à pandemia provocada pelo novo coronavírus, a partir de hoje verifica-se o encerramento total deste agrupamento de escolas.

“São interrompidas todas as actividades lectivas e não lectivas presencias, desde o ensino pré-escolar até ao ensino secundário, até nova avaliação da situação”, adiantou o agrupamento de escolas.

As actividades vão decorrer na modalidade de ensino à distância, com obrigatoriedade do dever de assiduidade por parte dos alunos, de acordo com o horário de cada turma, durante o período de interrupção das actividades presenciais.

A Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo indicou que, de acordo com a actualização de dados de quinta-feira de manhã da Autoridade de Saúde Pública, há 63 pessoas infectadas com o vírus que provoca a doença covid-19 referentes a um surto relacionado com valências da Santa Casa da Misericórdia local, mais 10 do que na quarta-feira.

Neste total, segundo a ARS do Alentejo, estão incluídos 29 utentes de unidades da Santa Casa da Misericórdia de Vila Viçosa, nove funcionários da instituição e 25 pessoas da comunidade.

A Câmara de Vila Viçosa, numa publicação na quinta-feira na sua página na rede social Facebook, indica que existem no concelho 71 casos activos de infecção com o vírus da covid-19, segundo dados da Direcção-Geral da Saúde, mais 12 do que na quarta-feira, sem precisar quais são referentes ao surto.

A Câmara de Borba revelou, na quinta-feira, que existem no concelho 24 casos activos de infecção com o vírus que provoca a covid-19.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,1 milhões de mortos e mais de 41,3 milhões de casos de infecção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 2.245 pessoas dos 109.541 casos de infecção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direcção-Geral da Saúde.

Sugerir correcção