Clube de Leitura da Folha de S. Paulo aberto aos leitores portugueses para debater Ensaio sobre a Cegueira

Esta terça-feira o Clube de Leitura Folha discute online o romance que o Nobel português José Saramago publicou em 1995. A sessão terá o editor português Zeferino Coelho como convidado e é aberta à participação dos leitores do PÚBLICO.

culturaipsilon,premio-jose-saramago,jose-saramago,livros,brasil,nobel,
Foto
José Saramago a receber o Prémio Nobel da Literatura em 1998 EPA

O Clube de Leitura do jornal brasileiro Folha de S.Paulo, que desde Agosto se tem realizado virtualmente, vai conversar sobre o romance Ensaio sobre a Cegueira, de José Saramago, esta terça-feira, às 21h em Portugal continental (18h no Brasil, por causa da nossa mudança de hora no próximo domingo). Os leitores do PÚBLICO estão convidados a participar nessa sessão online, que se realiza através do Zoom. Terá como convidado o editor português Zeferino Coelho, que em 1995 publicou esta obra na Editorial Caminho. No Brasil, o livro teve uma edição simultânea na Companhia das Letras de Luiz Schwarcz, que não poderá participar nesta sessão.

O Clube de Leitura Folha é coordenado pela jornalista brasileira Úrsula Passos, da Folha de S.Paulo, e realiza-se todas as últimas terças-feiras do mês, desde há três anos, sempre à volta de um livro de ficção. Estas discussões costumavam acontecer presencialmente em diversas livrarias da cidade de São Paulo, no Brasil, mas desde Agosto, por causa da pandemia de covid-19 e do distanciamento social, a reunião mensal, livre e gratuita, passou a realizar-se através de videoconferência.

Em cada sessão, este grupo de leitores, das mais diversas profissões e faixas etárias, partilha opiniões sobre a obra escolhida e aproveita a presença de convidados, que podem ser académicos, editores ou os próprios autores, para aprofundar a leitura. Todo este ambiente se tem mantido nas sessões que ocorrem no Zoom. Cada um dos participantes vai pedindo a palavra à moderadora que guia o evento. 

“Para os que nunca estiveram num encontro do clube com presença do autor, quero lembrá-los de que podem se sentir à vontade para fazer colocações sobre o livro e a experiência de leitura de vocês”, avisou Úrsula Passos no início da última sessão, a de Setembro, que contou com o escritor brasileiro Julián Fuks, Prémio José Saramago 2017, como convidado. O autor respondeu a perguntas e conversou sobre o romance A Resistência (Companhia das Letras). 

Em Agosto, o clube discutiu O Estrangeiro, de Albert Camus (Livros do Brasil), e o livro do argelino Kamel Daoud que retoma esta história de 1940. No Brasil, esta obra tem o título O caso Meursault e em Portugal chama-se Meursault, Contra-Investigação (Teodolito)Em Julho, foi discutido o romance Karen, da portuguesa Ana Teresa Pereira (Relógio d’Água) que em 2017 recebeu o prémio literário Oceanos.

O livro de Saramago que será abordado na sessão do próximo dia 27, Ensaio sobre a Cegueira (Porto Editora), foi escolhido por votação dos participantes do Clube de Leitura Folha. Zeferino Coelho, o convidado, é um editor da Leya com mais de 50 anos de carreira e foi o responsável pela publicação das obras de Saramago durante toda a vida do escritor. 

Três anos depois da publicação deste romance, em 1998, José Saramago recebeu o Prémio Nobel da Literatura. Uma década mais tarde, em 2008, a obra foi adaptada ao cinema pelo cineasta brasileiro Fernando Meirelles, protagonizada por Julianne Moore, Mark Ruffalo, Alice Braga e Gael García Bernal. 

Desde Julho, existe uma parceria transatlântica entre os dois órgãos de comunicação social que permite aos leitores de ambos os países terem uma assinatura partilhada das edições digitais do PÚBLICO e da Folha de S. Paulo (mesmo no caso de já serem assinantes de um deles).

Numa carta conjunta publicada nessa altura, os dois directores dos jornais, Manuel Carvalho do PÚBLICO, e Sérgio D’Ávila, da Folha de S. Paulo, afirmavam: “Pretendemos criar laços, aproximar brasileiros e portugueses, herdeiros da mesma língua e de uma raiz cultural comum e mobilizados pelo seu apego aos valores de coexistência democrática que estão hoje mais ameaçados do que nunca. Juntando nesta parceria os dois diários mais influentes dos dois países, acreditamos estar a abrir portas para que os cidadãos das duas margens do Atlântico se conheçam melhor, dialoguem melhor e se sintam mais próximos.”

É isso que se espera que aconteça nesta primeira iniciativa em que brasileiros e portugueses se juntarão em torno de um livro. Pois como costuma dizer Úrsula Passos aos leitores do clube: “Poder compartilhar ideias sobre uma experiência solitária como a leitura é sempre bom.” 

link para se aceder à reunião é este. E o ID da reunião é 889 2377 1003. A senha de acesso é : 945062.

Numa versão anterior estava escrito que o evento decorria às 22h portuguesas, mas com a mudança de hora na madrugada do próximo domingo esse horário passa a ser às 21h

Sugerir correcção