Artes

Este artista grava o Egipto na ponta do lápis

EPA/Mohamed Hossam
Fotogaleria
EPA/Mohamed Hossam

De lâmina numa mão e lápis na outra, Ebrahim Belal quer promover o turismo no Cairo. O artista egípcio de 28 anos esculpe figuras que remontam ao Antigo Egipto nas pontas de lápis, desde sarcófagos a faraós. As esculturas milimétricas e minuciosas pretendem ser um atractivo para um país que, devido à pandemia e à semelhança de tantos outros, está a viver uma quebra de receitas acentuada no sector do turismo. O trabalho é de paciência e perfeccionismo. O resultado é impressionante. 

 

EPA/Mohamed Hossam
EPA/Mohamed Hossam
EPA/Mohamed Hossam
EPA/Mohamed Hossam
EPA/Mohamed Hossam
EPA/Mohamed Hossam
EPA/Mohamed Hossam
EPA/Mohamed Hossam
EPA/Mohamed Hossam
EPA/Mohamed Hossam
EPA/Mohamed Hossam
EPA/Mohamed Hossam
Sugerir correcção