Opinião

O jornalismo ganhou e Ivo Rosa perdeu (outra vez)

É excelente vivermos num mundo cheio de liberdades e garantias – mas convém não adormecer em cima delas.

Foi conhecida esta quarta-feira mais uma derrota do juiz Ivo Rosa no Tribunal da Relação de Lisboa, o que não é propriamente uma novidade (são pelo menos 17 desde 2017). Só que desta vez foi uma derrota a triplicar e é sobre um assunto que me é bastante caro: o acesso dos jornalistas ao debate instrutório da Operação Marquês, que no final do ano passado o juiz Ivo Rosa decidiu barrar de forma inconcebível e, como agora triplamente se comprova, de forma ilegal.