Mbappé mantém a França colada a Portugal

Os franceses sentiram muitas dificuldades em Zagreb, mas um golo do avançado do Paris Saint-Germain a onde minutos do fim garantiu aos franceses a terceira vitória no Grupo 3 da Liga das Nações.

Foto
Reuters/ANTONIO BRONIC

Esteve longe de ser uma exibição convincente dos “bleus”, mas tal como Portugal a França somou nesta quarta-feira o décimo ponto no Grupo 3 da Liga das Nações e acabou com as dúvidas: será entre portugueses e franceses a luta por um lugar nas meias-finais da competição. Em Zagreb, a selecção comandada por Didier Deschamps até marcou cedo, por Antoine Griezmann, mas deixou-se empatar pela Croácia e, com alguma fortuna, chegou à vitória (1-2) na parte final, com um golo de Kylian Mbappé.

Após o empate no domingo contra Portugal no Stade de France, Deschamps fez algumas alterações no “onze” gaulês, deixando de fora jogadores como Pavard, Hernández, Pogba ou Giroud. E a aposta do técnico pareceu surtir efeito nos minutos inicias.

Logo no oitavo minuto, aproveitando uma hesitação na defesa croata, Griezmann aproveitou uma bola perdida à entrada da pequena área e, com um remate forte, colocou a bola no fundo da baliza de Livakovic.

No entanto, a vantagem tornou a equipa francesa demasiado expectante e, a pouco e pouco, os croatas foram tomando conta do jogo. E, de forma justa, na segunda parte surgiu o empate, com um golo do médio do CSKA Moscovo Nikola Vlasic.

Com 25 minutos para jogar, Deschamps trocou Rabiot por Pogba, mas a França continuou amorfa e pouco ofensiva. No entanto, o talento de Mbappé manteve a França colada a Portugal: aos 79’, o avançado do PSG fez o 1-2 final, garantindo aos franceses os dez pontos e a liderança do Grupo 3, a par da selecção nacional.

Nos restantes grupos da Liga das Nações A que tiveram jogos nesta quarta-feira, há três selecções na luta pelo apuramento. No Grupo 1, Itália e País Baixos empataram em Bérgamo e ofereceram a liderança à Polónia, que derrotou a Bósnia por claros 3-0.

No Grupo 2, a Inglaterra sofreu a primeira derrota. Alvo de críticas no Manchester United, Maguire foi expulso em cima da meia hora e a Dinamarca aproveitou para chegar à vitória em Wembley: três minutos depois, Walker fez a falta na área e Eriksen aproveitou o penálti para fazer o único golo do jogo. Com o triunfo dinamarquês em Londres, a liderança é agora da Bélgica, que foi à Islândia vencer, por 1-2, com um bis de Lukaku.