Anthony Lopes está infectado com covid-19 e é dispensado da selecção

Guarda-redes do Lyon já é o segundo elemento da comitiva a registar um resultado positivo nos testes.

liga-nacoes,seleccao,desporto,futebol-internacional,franca,
Foto
LUSA/DIOGO PINTO HANDOUT

O guarda-redes Anthony Lopes está infectado com covid-19 e abandonou a concentração da selecção portuguesa de futebol, que se prepara para disputar os jogos da Liga das Nações com França e Suécia, anunciou nesta sexta-feira o organismo federativo.

“O internacional português Anthony Lopes testou positivo para Covid-19 na quinta-feira à noite e foi dispensado dos trabalhos da selecção nacional. Os restantes convocados, bem como a equipa técnica e staff, deram negativo na despistagem do SARS-Cov-2”, informa a Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

Em nota publicada no site oficial, a FPF adianta que os elementos da comitiva realizaram nesta manhã uma nova sessão de testes à covid-19, mas não explica se Anthony Lopes será substituído pelo seleccionador Fernando Santos.

O guarda-redes que alinha nos franceses do Lyon, de 30 anos, é o segundo jogador a ser dispensado na equipa das “quinas” devido a teste positivo à covid-19, depois do defesa central José Fonte, que foi substituído na terça-feira por Domingos Duarte.

Em relação à convocatória inicial de Fernando Santos, regista-se também a ausência do defesa Mário Rui, que ficou impedido de sair de Itália devido à detecção de vários casos de covid-19 no plantel do Nápoles, tendo sido substituído por Nuno Sequeira.

Portugal defronta no domingo a França, naquele que será o regresso dos campeões europeus ao Stade de France, após o histórico triunfo de 2016, na final do Europeu, num embate entre os dois primeiros classificados do Grupo 3.

Sugerir correcção