Sede da Liga Portuguesa de Futebol fica no Porto. Mas muda de morada

Câmara do Porto vai ceder um terreno em Ramalde à Liga Portuguesa de Futebol. Imóvel onde tinha a sede será devolvido à autarquia

rui-moreira,urbanismo,camara-porto,futebol,desporto,porto,
Foto
Ana Luísa Silva

A sede da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) vai continuar no Porto, mas na Rua de John Whitehead, em Ramalde, onde será construído um edifício de raiz num prazo máximo de três anos. A decisão será votada na próxima reunião de câmara, na segunda-feira, e resulta de um contrato de permuta entre a autarquia e a LPFP, que devolverá ao município a sede que tem na Rua da Constituição desde 1999.

Ao edifício onde a Liga funciona, instalado numa parcela de 1220 metros quadrados, foi atribuído um valor de dois milhões de euros. Já o espaço que agora será cedido, com uma área de 7263 metros quadrados, foi avaliado em 2,8 milhões, mas uma vez que haverá um “ónus de reversão” a mesma acabou por ser avaliada em 2,2 milhões. Esses valores, homologados por despacho do vereador do Urbanismo, Pedro Baganha e presentes na proposta que irá a votos, resultam num saldo favorável ao município de 241 mil euros, valor que será oferecido à LPFP como “apoio”.

“O projecto da LPFP afigura-se de grande importância para os clubes, para o futebol em geral, mas também para a cidade do Porto que mantém um equipamento totalmente renovado e com acrescidas valências, sendo um projecto inovador”, escreve na proposta Rui Moreira, que em Maio recebeu Pedro Proença na autarquia.

No novo espaço da Liga será construído um “pavilhão desportivo, com equipamentos de tecnologia avançada, para o desenvolvimento da performance do jogador de futebol: velocidade, finalização, potência, aceleração, técnica individual, entre outros”, revela o mesmo documento a que o PÚBLICO teve acesso.

O espaço permitirá ainda a realização de “eventos de elevada notoriedade” para a cidade, como “sorteios, gala de fim de época ou as cimeiras”, estando prevista a contratação de 200 pessoas. Entre a autarquia e a LPFP será ainda celebrado um “contrato-programa de desenvolvimento desportivo”.

A Rua de John Whitehead, actualmente sem saída, será prolongada até à Rua do Padre Diamantino Gomes.

Sugerir correcção