Construção resistiu e limitou dimensão da recessão este ano

Nas primeiras previsões apresentadas por Mário Centeno, o Banco de Portugal aproximou as suas estimativas para a economia portuguesa das que estão a ser feitas pelo Governo.

Foto
LUSA/JOSÉ SENA GOULÃO

A forma como o investimento, principalmente aquele que está relacionado com a construção, resistiu à crise surpreendeu o Banco de Portugal, que, nesta terça-feira, nas primeiras projecções realizadas com Mário Centeno na liderança, reviu em alta a sua estimativa para a variação do PIB.