Crónica

#CáVamosAndando

Para além da adopção generalizada de expressões como “novo normal” ou “em tempos de covid-19”, de que se tem abusado sobretudo nos jornais (eu próprio já as escrevi), a hashtaggização de frases junta-se a outro pesadelo, o da linguagem complicada.

A pandemia trouxe novas e espantosas coisas ao mundo, mas entre os seus efeitos nefastos conta-se um que não creio ter visto ainda abordado: a aceleração do processo de hashtaggização de tudo o que é frase. Em que consiste? Simplesmente em pôr um # antes de toda e qualquer expressão, por mais banal que seja.