Juíza escolhida por Trump pode entrar no Supremo a quatro dias das eleições

Partido Republicano já tem um calendário para as audições, que deixa ao Senado poucos dias antes das eleições presidenciais para a votação final. Confirmação de Amy Coney Barrett será a viragem com que os conservadores sonham há décadas.

Barrett, de 48 anos, é conhecida pela sua oposição ao aborto e defesa do porte de armas
Foto
Barrett, de 48 anos, é conhecida pela sua oposição ao aborto e defesa do porte de armas Reuters/CARLOS BARRIA

A juíza conservadora Amy Coney Barrett, nomeada pelo Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, para ocupar a vaga no Supremo Tribunal deixada em aberto pela morte da liberal e progressista Ruth Bader Ginsburg, deverá assumir o cargo poucos dias antes das eleições de 3 de Novembro.