A urinar num Grammy, Kanye West declara guerra à indústria da música

Numa série de tweets nesta quarta-feira, o artista candidato à presidência dos Estados Unidos diz que as editoras estão a “escravizar” os artistas.

artes-cultura-entretenimento,cultura,kim-kardashian,kanye-west,grammys,musica,
Foto
Artista já venceu 21 Grammys e foi nomeado para 69 Reuters/DANNY MOLOSHOK

As polémicas em torno dos tweets de Kanye West não são novas.

Desta vez, esta quarta-feira, 16 de Setembro, o cantor e produtor atirou-se à indústria da música, que acusa de estar a “escravizar” os artistas. Pelo meio de uma série de publicações, West partilhou um vídeo em que parece urinar num Grammy, colocado numa sanita. “Acreditem em mim… Não vou parar”, escreveu na descrição.

Isto depois de ter mostrado cópias de dezenas de páginas dos alegados contratos celebrados com as editoras Universal Music e Sony, uma atitude que, segundo o próprio, iria “mudar de vez a indústria da música”. Dias antes, o norte-americano declarou-se o “novo Moisés”, ao mesmo tempo que acusava a indústria em que trabalha e a NBA de serem “os navios de escravos modernos”.

Garantiu ainda que não irá lançar trabalhos novos até que estes contratos sejam considerados nulos e pediu ajuda não só a outros artistas como Drake e Bono, mas também de “todos os advogados do mundo”.

A série de centenas de tweets continuou e West chegou a divulgar informações de contacto pessoais de Randall Lane, um dos editores da Forbes que o entrevistou quando o artista anunciou a sua candidatura à presidência dos Estados Unidos. No tweet já apagado, segundo a Newsweek, lia-se “Se algum dos meus fãs quiser ligar a um supremacista branco… este é o editor da Forbes”, acima do contacto de telefone de Lane.

A mulher de West, Kim Kardashian, chegou a abordar em Julho a sucessão de polémicas em que o marido se tem envolvido, afirmando que este é bipolar. “Como muitos de vocês sabem, o Kanye tem doença bipolar. Eu entendo que o Kanye esteja sujeito a críticas por ser uma figura pública e as suas acções, por vezes, podem causar fortes opiniões e emoções. Ele é um homem brilhante, mas complicado”, sublinha a mulher.

Sugerir correcção