Crianças que estavam sozinhas em Moria vão para dez países europeus

Portugal é um dos Estados-membros que deverá receber alguns dos 406 menores que se encontravam no campo de refugiados completamente destruído pelo fogo.

direitos-humanos,mundo,uniao-europeia,grecia,alemanha,europa,
Foto
Protesto de requerentes de asilo encurralados na ilha de Lesbos ORESTIS PANAGIOTOU/PA

Das quase 13 mil pessoas que viviam no campo de refugiados de Moria antes do incêndio da noite de terça-feira só as 406 crianças sozinhas já foram retiradas da ilha grega de Lesbos e reinstaladas em Salónica – num futuro próximo, serão todas acolhidas em diferentes países europeus.