Rui Pinto diz que Doyen pagou viagens de jacto privado a Luís Filipe Vieira

Presidente do Benfica diz que não comenta declarações e investigações que não conhece e acusa o pirata informático de manipular informação. Em causa estarão viagens entre Portugal e o Brasil.

futebol,sociedade,ministerio-publico,dciap,crime,justica,
Fotogaleria
LUSA/Miguel A. Lopes
futebol,sociedade,ministerio-publico,dciap,crime,justica,
Fotogaleria
LUSA/Miguel A. Lopes

O pirata informático Rui Pinto disse ao Ministério Público haver provas de que a Doyen, um grupo que tinha um fundo de investimento que financiava passes de jogadores de futebol, pagou viagens em jacto privado entre Portugal e o Brasil ao presidente do Sport Lisboa e Benfica, Luís Filipe Vieira, e ao seu filho, Tiago Vieira.