Portugal Fashion regressa em Outubro e dará “primazia aos espaços exteriores”

Num evento anunciado em formato híbrido — “entre o físico e o digital” —, Portugal Fashion anuncia a sua 47ª edição entre os dias 15 e 17 de Outubro na Alfândega do Porto, poucos dias depois da Moda Lisboa.

A 47ª edição do Portugal Fashion vai decorrer entre os dias 15 e 17 de Outubro na Alfândega do Porto
Foto
A 47ª edição do Portugal Fashion vai decorrer entre os dias 15 e 17 de Outubro na Alfândega do Porto Anna Costa / PUBLICO

Em Março, entre os dias 12 e 14, decorria mais uma edição do Portugal Fashion que acabou por ser cancelada depois do primeiro dia, devido à chegada do novo coronavírus a Portugal e de as medidas de confinamento começarem a ser implementadas no país.

Agora, seis meses depois, o evento de moda anuncia o seu regresso em Outubro, arrancando poucos dias depois da ModaLisboa terminar, com um formato híbrido: tal como o evento lisboeta, decorrerá num misto entre o físico e o digital.

Quanto a detalhes da programação desta que será a 47.ª edição do Portugal Fashion, que decorrerá entre os dias 15 e 17 de Outubro na Alfândega do Porto, a ANJE – Associação Nacional de Jovens Empresários, responsável pela organização, não divulgou ainda pormenores.

A decisão de avançar com a realização da edição prende-se com a tentativa de minimizar o impacto negativo que a covid-19 teve na indústria da moda, dando “alguma esperança aos criadores” que têm enfrentado grandes dificuldades aos longo dos últimos meses, explicou à Lusa a ANJE.

A associação sublinha que o Portugal Fashion é um evento profissional, sendo a partir deste que “se desenvolvem todas as dinâmicas de negócio e vendas, essenciais à actividade de designers e marcas”.

O número de pessoas presentes no evento físico será muito reduzido e “será dada primazia aos espaços exteriores”, assinala a ANJE à Lusa. A “preparação da 47.ª edição tem sido coordenada e pensada com o apoio de especialistas em Saúde Pública e será sempre validada pelas autoridades competentes”.

Sugerir correcção