Vila Nova de Famalicão

Um manifesto que representa “o sentir de uma elite de Portugal”

Artur Mesquita Magalhães acusa o Estado de estar a “expropriar” a educação dos filhos. É conservador, católico, e apesar de a sua causa ter conquistado o apoio de pessoas de vários quadrantes, garante que não tem qualquer filiação partidária. Mas passou pelo MRPP.