Tenet já está a reanimar as salas de cinema portuguesas

Após vários adiamentos, o novo filme de Christopher Nolan começa a produzir os efeitos ansiados pelo mercado. Em Portugal, foi o mais visto do passado fim-de-semana, com perto de 38 mil espectadores; a nível global, e embora ainda não tenha chegado ao mercado norte-americano, já é o nono mais bem-sucedido do ano.

Foto
DR

Parado desde Dunkirk (2017), o fenómeno de culto e de bilheteira que é Christopher Nolan prometera para 2020 um novo filme, Tenet. As restrições no acesso às salas de cinema suscitadas pela pandemia de covid-19, porém, levaram a Warner Bros. a adiar por três vezes o lançamento deste blockbuster orçado em cerca de 171 milhões de euros no qual a indústria e a imprensa especializada depositaram a expectativa de salvar o cinema de um ano catastrófico. Estreado, finalmente, na passada quarta-feira, o filme parece estar já a cumprir essa missão: em apenas uma semana, fez uma receita de bilheteira de aproximadamente 45 milhões de euros a nível global, sendo já o nono título mais bem-sucedido do ano, e isto numa altura em que ainda não chegou a mercados tão decisivos como os Estados Unidos e a China.

Em Portugal, e de acordo com os dados divulgados pelo Instituto do Cinema e do Audiovisual (ICA), Tenet açambarcou as salas de cinema (148 ecrãs, 1677 sessões) e mobilizou 38.367 espectadores no período no seu primeiro fim-de-semana de exibição (26 a 30 de Agosto). O segundo filme mais visto no mesmo período, Os Novos Mutantes, do realizador americano Josh Boone, registou pouco mais de sete mil espectadores em 894 sessões. 

Ainda em Portugal, Bem-vindos a África, do realizador francês James Huth, foi o filme mais concorrido no fim-de-semana anterior à estreia de Tenet. Contudo, a diferença é notória: fez apenas perto de nove mil espectadores, um resultado substancialmente reduzido quando comparado com o novo filme de Nolan.

No último fim-de-semana do mês de Junho, e ainda segundo o ICA, a comédia dramática Benzinho foi a longa-metragem mais vista: 340 espectadores, em 19 sessões. Entretanto, o desconfinamento do país fez-se sentir não apenas nas ruas, que começaram a ganhar vida, como também nos cinemas. 

A estreia de Tenet nos Estados Unidos e na China está marcada para esta quinta-feira, 3 de Setembro. 

Texto editado por Inês Nadais