Levantado do Chão : roteiro dedicado a Saramago avança com apoios e mais serviços

O livro do Nobel português da Literatura, publicado há 40 anos, é um longo passeio de 238 quilómetros entre Montemor-o-Novo, Évora e Lisboa.

literatura,fugas,jose-saramago,livros,lisboa,turismo,
Fotogaleria
Daniel Rocha
literatura,fugas,jose-saramago,livros,lisboa,turismo,
Fotogaleria
Daniel Rocha
literatura,fugas,jose-saramago,livros,lisboa,turismo,
Fotogaleria
Daniel Rocha
literatura,fugas,jose-saramago,livros,lisboa,turismo,
Fotogaleria
Daniel Rocha
Fotogaleria
Daniel Rocha

O roteiro, uma viagem por lugares marcantes de Levantado do Chão, o “primeiro grande romance” do Nobel português da literatura, José Saramago, foi lançado este ano, no dia em que passaram 40 anos sobre a publicação do livro, e já o contámos aqui pelo Fugas

A novidade agora é que este Levantado do Chão como roteiro literário teve aprovada a sua candidatura à Linha de Apoio à Valorização Turística do Interior, pelo Turismo de Portugal, com “um investimento superior a 300 mil euros”, informa a Câmara Municipal de Montemor-o-Novo.

A viagem que totaliza 238 quilómetros e passa por Lisboa, Montemor-o-Novo e Évora, é feita através de “uma rede de percursos e de pontos de interesse em torno da obra e do autor”.

Com o apoio agora aprovado, adianta a autarquia, vai avançar-se com “sinalética direccional e promocional”, além de um site e uma app. A implementação do projecto, confirma a autarquia, passa também pela criação do Centro Interpretativo Levantado do Chão, que será implementado no edifício da Biblioteca Municipal.

Além de rota entre a história e a literatura, “este produto turístico integra a valorização da identidade colectiva do concelho”, indica o município, passando pela “valorização do património cultural existente e dos recursos endógenos dos território”. 

Para ajudar a quem quiser realizar o passeio ou partes dele, já está disponível um guia do roteiro em formato impresso.