Torne-se perito Opinião

Lares: Estado fornece, financia e fiscaliza pouco ou nada. Qual é a surpresa?

A história de Reguengos mostra que, ou não fiscaliza, ou tem exigências muito baixas. Agora chegou o momento das indignações e vêm aí os habituais inquéritos.

O lar de Reguengos de Monsaraz alega ter feito tudo para salvar vidas humanas. A Ordem dos Médicos aponta falhas à administração do lar e afirma que não foram cumpridas as orientações da DGS. O tempo, ou a justiça, ou ambos, dirão quem tem razão. Mas há uma coisa certa: enquanto não mudarmos a forma como encaramos os cuidados continuados em Portugal, vamos tropeçar em mais lares de Reguengos e do Comércio.