Mapa de solos contaminados em Lisboa está prometido há três anos

Realidade concreta sobre solos ainda é um mistério para a generalidade dos lisboetas. Associação do Parque das Nações queixa-se do “grande silêncio” das autoridades.

lisboa,verdes,governo,ambiente,residuos,poluicao,
Foto
Construção do novo edifício da CUF Descobertas trouxe o tema (e o cheiro) à tona Jornal Publico

A criação e divulgação pública de um mapa em que estejam identificados os solos potencialmente contaminados de Lisboa é uma promessa com mais de três anos que continua por cumprir. A existência de um mapa deste tipo permitiria às entidades públicas actuar preventivamente e fazer um controlo mais apertado das empreitadas urbanísticas, garantindo que os resíduos seriam devidamente encaminhados e tratados. Actualmente, a contaminação dos solos é avaliada pelos próprios promotores das obras, mas há muito que lisboetas e ambientalistas vêm pedindo mais acção às autoridades.