Fafá de Belém celebra aniversário com concerto em Fátima, de onde lhe veio o nome

A cantora brasileira escolheu 9 de Agosto, dia do seu aniversário, para um concerto no auditório do Santuário de Fátima, de onde lhe veio o nome. Já esgotado, será transmitido em directo pela plataforma Cliveon, uma sala virtual de espectáculos digitais.

santuario,fatima,sao-paulo,culturaipsilon,musica,brasil,
Foto
Fafá de Belém Miro de Souza

A cantora brasileira que todos conhecem por Fafá de Belém, e que tem uma ligação antiga a Portugal, saiu do Brasil pela primeira vez desde os cuidados ditados pela pandemia para um concerto em Portugal, no Auditório do Centro de Estudos de Fátima. Com 100 lugares presenciais (comprados e já esgotados), será transmitido em directo pela Cliveon – Culture Live Online, sala virtual de espectáculos digitais, com acessos vendidos a 2 euros.

Nascida Maria de Fátima Palha de Figueiredo, em Belém do Pará, em 1956, Fafá de Belém comemora em 2020 45 anos de carreira, 36 dos quais a percorrer caminhos e palcos de Portugal. Mas a sua ligação a Fátima, diz a cantora ao PÚBLICO, é “muito anterior” ao seu nascimento e projecto de vida. “Meu pai teve febre tifóide aos 7 anos, em Portugal. E fez uma promessa [se fosse curado] que a primeira filha dele seria Fátima. Então eu nasci nos braços de Fátima e cresci nos braços de Fátima, sempre com a Senhora do meu lado. Os meus pais são devotos, eu nasci em Belém do Pará, cidade que tem uma procissão imensa, a do Círio de Nazaré. E Fátima foi, desde que eu me lembro, a minha protectora.”

Essa ligação nunca a largou. “A primeira vez que fui a Portugal fui ao Santuário. E volto todas as vezes, em privado. Rezo, acendo velas, sou devota de Nossa Senhora.” Agora, vai actuar em Fátima no dia do seu aniversário, 9 de Agosto, em resposta a um convite: “Estive no princípio do ano em Portugal [participou na gravação de um dos episódios da série Em Casa d’Amália, já transmitido na RTP] mas estou fechada em casa desde o dia 20 de Março, por causa da pandemia. Mas em final de Junho ligaram-me dessa plataforma, a Cliveon, dizendo que queriam fazer um espectáculo comigo e perguntaram se eu teria data em Agosto. E achei maravilhoso o dia 9, que é meu aniversário.”

Dia 1 de Agosto ainda fez um espectáculo no Brasil, só piano e voz, no Blue Note de São Paulo e dia 2, “toda encapuçada e com as máscaras”, rumou a Portugal. O espectáculo em Fátima terá, diz ela, piano e guitarra portuguesa. “Vamos passar pelo fado, pela canção de autores contemporâneos portugueses como Rui Veloso, Paulo Gonzo, Ana Bacalhau (dos Deolinda) e Carolina Deslandes. E vou cantar canções do meu repertório.” Algumas de pendor religioso. “A Ave Maria, que cantei para o Papa [no Maracanã, para João Paulo II, quando ele visitou o Brasil, em 1997] ou a Nossa Senhora do Roberto Carlos. Vai ser uma linha de vida, duas horas de espectáculo, onde a tónica será com certeza a emoção.”

Fafá de Belém, aliás, não cantou apenas para João Paulo II. Cantou para mais dois papas: também para Bento XVI, em 2006 (em Valência, Espanha) e, mais recentemente, para o Papa Francisco, em 2013 (no Rio de Janeiro, durante a Jornada Mundial da Juventude). Neste seu concerto em Fátima, a cantora será acompanhada apenas por dois músicos: Luiz António Gomes (piano) e Ricardo Silva (guitarra portuguesa). “Vai ser muito emblemático, porque é dia dos pais no Brasil, o meu pai me deu o nome de Fátima, é dia do meu aniversário, vou estar em Fátima cantando e a minha filha [Mariana Belém] vai cantar comigo. E é a primeira vez que eu viajo depois do início da pandemia no Brasil.”

PÚBLICO -
Foto
A cantora com a filha, Mariana Belém DR

No período de confinamento, durante o qual só saiu três vezes de casa (e para perto), Fafá de Belém diz que só obteve motivação em três coisas: “A fé, a esperança e a alegria. Porque se a gente entrar no poço da tristeza, pode não sair. Nesses quatro meses mudei a minha vida completamente, fechei o meu escritório, trouxe as coisas para casa, a minha filha trabalha comigo e está à frente da minha carreira, começámos a fazer lives (musicais e de conversa, estou completamente ligada com a internet) e estou adorando.”

Sugerir correcção