Jogos com História: O FC Porto e a “maldição” de jogar a final da Taça de Portugal em casa

FC Porto e Benfica defrontam-se no sábado, em Coimbra, na final da Taça de Portugal da época 2019/20. É apenas a 12ª vez, em 80 edições da prova, que o jogo decisivo da competição se disputa fora do Estádio Nacional, no Jamor. Houve quatro finais no antigo Estádio das Antas e, das três vezes em que jogou em casa, o FC Porto perdeu duas…

futebol,sl-benfica,desporto,fc-porto,taca-portugal,futebol-nacional,
Fotogaleria
Carlos Manuel festeja o seu golo no Estádio das Antas, na final da Taça de Portugal da época de 1982/83 DR
futebol,sl-benfica,desporto,fc-porto,taca-portugal,futebol-nacional,
Fotogaleria
O FC Porto conquistou mais Taças de Portugal no Estádio Nacional do que no Porto Daniel Rocha

Desde que o Estádio Nacional, inaugurado em 1944, passou a receber a final da Taça de Portugal, o que aconteceu a partir de 1946, só em cinco ocasiões – seis, se contarmos a do próximo sábado – o palco da partida decisiva da prova foi diferente. Em 1960/61 jogou-se no Estádio das Antas, no Porto; depois, durante três anos, decidiu-se que o clube detentor do troféu organizaria a final seguinte, pelo que Alvalade (74/75) e as Antas (75/76 e 76/77, ambas por “empréstimo” ao Boavista) receberam a festa do futebol. Finalmente, em 1982/83, no meio de intensa polémica, voltou-se ao Estádio das Antas. O FC Porto jogou em casa com o Benfica. E perdeu.