i-album

Reportagem

Testemunhas ouviram insultos racistas contra Bruno Candé. “Tenho armas do Ultramar e vou-te matar”

Assassinato ocorreu em plena Avenida de Moscavide, no sábado. Na quarta-feira, vários comerciantes da zona ouviram Bruno Candé ser alvo de insultos racistas proferidos pelo arguido, que terá também ameaçado matá-lo. Homem de 76 anos ficou em prisão preventiva, por homicídio qualificado e posse de arma ilegal.