Fim dos debates quinzenais gera tensões no PS e no PSD

Os dois partidos aprovaram maior exigência nas petições e alterações à lei eleitoral autárquica.

,Partido Social Democrata
Foto
Deputados passam a poder questionar primeiro-ministro a cada dois meses Nuno Ferreira Santos

O PS e o PSD aprovaram o fim dos debates quinzenais com o primeiro-ministro no Parlamento mas com evidente desconforto nas suas bancadas. Na maratona de votações de desta quinta-feira, o chamado bloco central funcionou também em matérias como as eleições indirectas dos presidentes das comissões de coordenação e desenvolvimento regional e na lei eleitoral autárquica.