Torne-se perito

Zeca Baleiro fez da sua atracção pela música portuguesa um disco

De Sérgio Godinho a José Cid, passando por José Afonso, António Variações, Pedro Abrunhosa Jorge Palma, Fausto, Ala dos Namorados, Ornatos Violeta, Rui Veloso e Vitorino, o disco Canções d’Além Mar resulta de uma paixão brasileira pela música e pelos autores portugueses. Chega hoje às lojas.

chico-buarque,zeca-afonso,culturaipsilon,portugal,musica,brasil,
Foto
Silvia Zamboni

Começou por uma cassete, há muitos anos, que umas amigas lhe deram. Depois um disco. E a partir da sua primeira visita a Portugal, já lá vão 20 anos, tornou-se comprador (e conhecedor) compulsivo de música portuguesa, de vários géneros. O resultado é um disco, que chega hoje às lojas e às plataformas digitais, Canções d’Além-Mar, onde o cantor e compositor maranhense Zeca Baleiro dá voz a onze canções portuguesas: Ala dos Namorados (Razão de ser (e valer a pena)), António Variações (Canção de engate), Fausto Bordalo Dias (Ali está a cidade), Jorge Palma (Bairro do amor), José Afonso (Balada de Outono), José Cid (É no silêncio das coisas), Ornatos Violeta (Capitão romance), Pedro Abrunhosa (Tu não sabes), Rui Veloso (Todo o tempo do mundo), Sérgio Godinho (Às vezes o amor) e Vitorino (Menina, estás à janela).