O meu apelo aos professores portugueses

Se em Setembro os professores forem parte do problema, em vez de parte da solução, teremos outro ano catastrófico, e o direito à educação só estará realmente assegurado por aqueles que tiverem dinheiro para o pagar.

A minha filha mais nova teve de esperar que as aulas acabassem para poder voltar à escola. Parece mentira, mas é verdade. O Governo impediu a reabertura das escolas devido à covid-19, mas autorizou a sua abertura durante o Verão para acolher os chamados CAF (Componente de Apoio à Família), um conjunto de actividades pós-lectivas, muitas vezes asseguradas pelas associações de pais, que permitem que os miúdos permaneçam na escola acompanhados e entretidos enquanto pai e mãe estão nas suas vidas laborais.