Processo de diálogo entre Belgrado e Pristina vai ser retomado com mediação da UE

Europeus consideram que não há outra alternativa credível para a normalização das relações entre os dois inimigos da última guerra dos Balcãs.

Foto
Primeira visita do novo primeiro-ministro do Kosovo foi a Bruxelas. Avdullah Hoti foi recebido pelo presidente do Conselho Europeu, Charles Michel LUSA/YVES HERMAN / POOL

A União Europeia entende que não há “nenhuma outra alternativa credível” à retoma do processo de diálogo político e normalização das relações entre a Sérvia e o Kosovo e a posterior assinatura de um acordo de paz que os 27 consideram “indispensável” para o progresso das conversações para a futura adesão ao bloco.