Djokovic acusa covid-19 depois de organizar torneio de ténis

O número um do ranking mundial está a ser criticado por ter desrespeitado as normas de segurança sanitária.

Novak Djokovic
Fotogaleria
Novak Djokovic Reuters/ANTONIO BRONIC
O torneio de ténis organizado por Djokovic reuniu milhares de pessoas
Fotogaleria
O torneio de ténis organizado por Djokovic reuniu milhares de pessoas LUSA/ANDREJ CUKIC
Djokovic com os apanha bolas do torneio
Fotogaleria
Djokovic com os apanha bolas do torneio Reuters/MARKO DJURICA
-solsticio-verao-,coronavirus,belgrado,modalidades,tenis,desporto,
Fotogaleria
Djokovic ao lado de Troicki Reuters/ANTONIO BRONIC
,Nick Kyrgios
Fotogaleria
Djokovic e os apanha bolas do torneio LUSA/ANDREJ CUKIC

O resultado do teste à covid-19 que Novak Djokovic realizou à chegada a Belgrado, na manhã de segunda-feira, resultou positivo. O líder do ranking mundial e presidente do Conselho de Jogadores da ATP torna-se assim no quarto jogador a contrair o vírus no Adria Tour, por si organizado, depois de Grigor Dimitrov, Borna Coric e Viktor Troicki.

Inicialmente, ainda na cidade croata de Zadar, Djokovic recusou fazer o teste da covid-19, alegando que não tinha quaisquer sintomas, mas acabou por realizá-lo já em Belgrado, assim como os membros da família que viajaram com o líder do ranking mundial.

Além destes, também Marko Paniki, preparador físico de Djokovic, Christian Groh, treinador de Dimitrov, e, soube-se agora, Jelena Ristic, mulher do número um mundial, também foram contagiados durante as duas etapas do Adria Tour, em Belgrado (Sérvia) e, este fim-de-semana, em Zadar (Croácia). Os dois filhos do casal, de cinco e dois anos, foram igualmente testados, mas o resultado foi negativo.

“Tudo o que fizemos no último mês, fizemo-lo com a mais pura e sincera das intenções. O nosso torneio pretendia unir e partilhar uma mensagem de solidariedade e compaixão por esta região”, afirmou Djokovic, não deixando de frisar: “Nasceu com uma ideia filantrópica, direccionando todas as verbas angariadas para as pessoas necessitadas e o meu coração ficou cheio ao ver como todos responderam afirmativamente”.

O tenista sérvio lamentou ainda os casos positivos e adiantou que vai isolar-se, em quarentena, pelos próximos 14 dias.

Em consequência deste anúncio de Djokovic, as duas etapas seguintes do Adria Tour, que deveria realizar-se em Banja Luka e Sarajevo, ambas na Bósnia-Herzegovina, foram anuladas.

Além de jogos de exibição, o torneio incluiu também eventos fora dos courts, como jogos de futebol e de basquetebol com todos os tenistas, incluindo Djokovic, e festas em discotecas.

O governo croata também anunciou que o primeiro-ministro Andrej Plenkovic seria submetido a um teste, após ter estado nas bancadas a assistir aos jogos em Zadar.

Sugerir correcção