seguranca-social,instituto-nacional-estatistica,familias,sociedade,acores,pobreza,
Reportagem

Combater a pobreza no meio da pandemia: “Estou sem dinheiro. Nem para comprar um ovo”

Nos Açores, a região com mais pobres do país, prevê-se o aumento da pobreza devido à crise da covid-19. Primeiros indicadores revelam diminuição do desemprego, mas um aumento dos beneficiários do rendimento social. O desafio reside nos próximos meses.

Mais uma quarta-feira, dia da distribuição dos cabazes. Paulo Cabral, 52 anos, carrega uma caixa de cereais, um pacote de manteiga, arroz, mortadela, doce de laranja, febras congeladas, pão, bolos, iogurtes, barras de cereais e salsichas distribuídos por três sacos. Quando os voluntários, de máscaras e com um longo fato de protecção branco, entregam o cabaz, Paulo observa entre os sacos e diz: “Eu agradeço muito a ajuda que me estão a dar.”