Foto

Um momento de publicação independente: 2 Histórias de Amor

Fanzines, edições de autor, livros de artista — nesta rubrica queremos falar de publicação independente. A autora Júlia Barata e o editor Nuno Moura apresentam 2 Histórias de Amor.

Apresenta-nos a tua publicação.
Chama-se 2 Histórias de Amor.

Quem são os autores?
Júlia Barata, ou seja, Júlia Vilhena, arquitecta e ilustradora a viver em Buenos Aires, na Argentina.

Do que quiseste falar?
Fala sobre a procura e reinvenção de um matrimónio, através de duas situações que exploram a abertura da relação. Sugerem-se meandros de entusiasmo ou dor originados pelas experiências, expondo tanto a leveza e a curiosidade como a fragilidade humana nas lides amorosas, quando as emoções e o condicionamento cultural se sobrepõem aos desejos físicos e teóricos.

Questões técnicas: quais os materiais usados, quantas páginas tem, qual a tiragem e que cores foram utilizadas?
A técnica é tinta-da-china, preta e vermelha, sobre papel de aguarela. Este fanzine começou por ser auto-editado em Buenos Aires, em 2016, e foi editado em 2019 em Lisboa pela Douda Correria.

PÚBLICO -
Foto

Onde está à venda e qual o preço?
Custa 8 euros e está à venda em Lisboa na Letra Livre, Tinta nos Nervos, Tigre de Papel e Poesia Incompleta e no Porto na Flâneur e Poetria​.

Porquê fazer e lançar edições hoje em dia?
Creio que as edições — e principalmente as auto-edições — são mesmo importantes para fortalecer vozes que não respondem aos discursos mainstream nem aos mercados lucrativos e que podem contribuir para a aumentar a diversidade de perspectivas e horizontes a que podemos aceder e para a livre expressão de autores que não são avaliados pelas editoras, mas talvez o sejam por outros leitores.

Recomenda-nos uma edição de autor recente lançada em Portugal.
Roachciety, com texto e desenhos de Rita António​. Está à venda na Oficina do Cego e Livraria Tinta nos Nervos por 35 euros (45 exemplares em serigrafia, cosidos à mão)