Fotogalerias

Um “até para a semana” na feira de Vila do Conde

©José Pedro Martins
Fotogaleria
©José Pedro Martins

A palavra que José Pedro Martins mais ouviu foi "saudade" — dos fregueses de anos, da "liberdade de sair de casa", de finalmente voltar a ganhar algum dinheiro.

Na reabertura da feira semanal de Vila do Conde, mesmo com os feirantes de máscara, o fotógrafo só via sorrisos. "Fotografar os feirantes", antes ora tímidos, ora com pressa, "tornou-se agora uma tarefa menos ingrata". "A máscara, além de proteger, cria um inovador escudo entre fotografado e fotógrafo, que levanta menos objecções ao modelo", comenta. 

O regresso ainda foi tímido na primeira sexta-feira após dois meses de encerramento para conter a propagação do novo coronavírus. O recinto está limitado a 500 pessoas e a entrada e saída é feita apenas pela rua 5 de Outubro. "Esperem, que para a semana será melhor", respondeu o fotógrafo, cliente habitual. Que bom é poder acenar, outra vez, "até para a semana".

©José Pedro Martins
©José Pedro Martins
©José Pedro Martins
©José Pedro Martins
©José Pedro Martins
©José Pedro Martins
©José Pedro Martins
©José Pedro Martins
©José Pedro Martins
©José Pedro Martins
©José Pedro Martins
©José Pedro Martins
©José Pedro Martins
©José Pedro Martins
©José Pedro Martins
Sugerir correcção