Regresso da Easyjet à Madeira após 1 de Julho só “dependerá da procura”

Rota Lisboa-Funchal vai ficar apenas dependente da procura por parte dos passageiros após 1 de Julho. Lufthansa diz que vai voltar a voar para Faro em meados de Junho.

ana,empresas,economia,tap,turismo,transportes,
Foto
Transportadora aérea tem estado com a frota parada Reuters/Phil Noble

A recuperação dos voos operados entre Lisboa e o Funchal pela Easyjet vai ficar apenas dependente da procura por parte dos passageiros a partir do dia 1 de Julho. De acordo com a transportadora aérea, até aqui havia dois impedimentos: a limitação da ocupação dos aviões a 2/3 e a quarentena de 14 dias imposta pelo governo regional a quem chega ao arquipélago.