viagens,fugas,livros,lisboa,turismo,australia,
Donna Wheeler DR
Entrevista

Donna Wheeler: uma vida Lonely Planet

Passou doze anos na estrada a soldo da Lonely Planet, antes de se transferir para a Hardie Grant, onde acaba de publicar um guia sobre Lisboa. Donna Wheeler está na rara condição de nos revelar o que é viajar para escrever sobre viajar. “Lisboa pareceu-me surpreendentemente familiar”.

Define-se como “Ensaísta. Observadora Cultural. Criadora de Imagens”. Passou a maior parte da vida a trabalhar para a Lonely Planet, primeiro como editora nos escritórios de Melbourne, a sua morada adoptiva. Depois pelo mundo inteiro, contribuindo para uma pilha de guias, na maior parte sobre destinos europeus como França, Noruega e Itália, onde chegou a constituir família. Agora, Donna Wheeler está na Hardie Grant, editora também australiana fundada em 1997, para a qual já escreveu dois guias sobre Paris, onde vive metade do ano, e um sobre Lisboa, sua mais recente paixão. A entrevista é sobre esta “estranha forma de vida” de passar a vida na estrada de caderno de notas ao colo.