José Cutileiro, o outsider adoptado pela tribo dos diplomatas

José Cutileiro (1934-2020) era um céptico e pessimista antropológico, um diplomata político vindo da Antropologia que gostou da tribo e ficou, dizem amigos, colegas do ministério e um antigo chefe da diplomacia portuguesa.

Foto
José Cutileiro DAVID CLIFFORD/ARQUIVO

José Cutileiro tornou-se diplomata da forma que muito irrita os diplomatas de carreira: em 1974 foi contratado como escolha política — e não através do concurso de admissão ao Ministério dos Negócios Estrangeiros — e rapidamente promovido a embaixador.