Torne-se perito

Proibição de cruzeiros alargada até 15 de Junho

Interdição de desembarque de passageiros não nacionais mantém-se até às 0h de dia 15 de Junho.

,Navio
Foto
André Rodrigues/Arquivo

A interdição do desembarque para terra de passageiros e tripulações dos navios de cruzeiro nos portos nacionais foi estendida até ao dia 15 de Junho. O despacho foi publicado esta sexta-feira em Diário da República e vem alargar em mais um mês a proibição que antes estava fixada para o dia 17 de Maio. 

A interdição, e respectiva prorrogação, justifica-se como medida de contenção das possíveis linhas de contágio para controlar a disseminação do vírus SARS-CoV-2 e da doença covid-19, mas não abrange os cidadãos nacionais ou os titulares de autorização de residência em Portugal. 

De acordo com o despacho, os navios de cruzeiro só estão autorizados a atracar nos portos nacionais “para abastecimento, manutenção e espera (em lay-up) de reparação naval” ou em casos excepcionais ou urgentes, “mediante autorização da autoridade de saúde, nomeadamente por razões humanitárias, de saúde ou para repatriamento imediato”.

Sugerir correcção