Coronavírus

América Latina pós-covid-19: a volta do porco ou o tempo da fénix?

Só os derrubados têm a oportunidade de se levantar e há quem pense que o efeito terrível da pandemia na região de 613 milhões de pessoas pode ajudar a traçar outro rumo que não seja o da volta do capitalismo financeiro que no fim do ano terá atirado 214 milhões para a pobreza na América Latina, 83 milhões deles na extrema pobreza.